sexta-feira, 25 de dezembro de 2015

Mesmo em meio à Dor

Mateus 14 1-21

Jesus havia recebido uma má notícia: a morte de João Batista. Uma morte truculenta, a mando das autoridades.

Essa notícia trouxe tristeza a Jesus. Era seu primo querido, era aquele sobre quem a profecia falava que prepararia o caminho para a Sua mensagem.

E talvez, porque isso O lembrasse do que estava reservado para o Seu futuro.

Jesus procurou um lugar deserto, para estar com seus discípulos. Pegaram um barco e se dirigiram para lá.

Porém, ao chegar, Jesus deparou-se com uma multidão que estampava em seus rostos a necessidade de cuidado, de uma palavra de Deus, de compaixão.

Mesmo em meio à própria dor, Jesus curou e ensinou; mais do que isso, ali foi o lugar onde um milagre marcante aconteceu: a multiplicação de pães e peixes.

Em meio à dor, Jesus não pensou em si mesmo em primeiro lugar!

E isso nos reserva uma lição: vivemos tempos de uma obsessão pela própria felicidade, onde essa busca costuma tornar-se a prioridade absoluta de nossas vidas.

Jesus nos mostra com suas atitudes que a prioridade nunca fala de si mesmo, fala do outro. Nisso haverá maior felicidade!

Quem busca a sua própria felicidade terá dificuldade em encontrá-la em si mesmo, pois o próprio Mestre ensina: "Há maior felicidade em dar do que em receber". (Atos 20.35) .

Por isso, mesmo em meio à dor, Jesus não se ensimesmou, mas levou em conta o outro.

Assim seja conosco: que a dor não nos torne insensíveis às dores de quem está ao nosso redor; que a dor não seja obstáculo para nos impedir de ser a mão de Cristo a quem dEle precisa.

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe sua opinião, crítica ou sugestão! Ela é valiosa demais para ficar restrita somente a você!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...