quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

A Missão Oculta

0 comentários

“E fazem todas as obras a fim de serem vistos pelos homens; pois trazem largos filactérios, e alargam as franjas das suas vestes,
E amam os primeiros lugares nas ceias e as primeiras cadeiras nas sinagogas,
E as saudações nas praças, e o serem chamados pelos homens; Rabi, Rabi.”
Mateus 23.5-7

Deus tem nos chamado para fazer a Sua obra.
Estar disposto a ser usado para realizar os sonhos que Ele tem compartilhado conosco é um desafio imenso!
Com certeza, esse desafio motiva a cada um de nós!

Mas será que essa é a nossa exclusiva motivação ? Será que existem outras motivações que nos levam a fazer tudo aquilo que fazemos?

O que nos tira do lugar onde estamos e nos motiva a agir, em todas as situações do dia-dia?

Certamente, você tem outras motivações pessoais que te levam a servir no Reino e dependendo de como essas intenções forem, podem levar você para bem longe do chamado de Deus.

Foi isso que aconteceu com os fariseus.
Eles também eram chamados por Deus para a obra e  procuraram fazê-la.
Mas a motivação dos seus corações se corrompeu: ao invés de agirem para que Deus fosse glorificado, eles começaram a buscar glória e honra para si mesmos.
Isso os levou ao distanciamento do chamado que o Senhor havia proposto em seus corações!

É preciso tomar cuidado com a “missão ou motivação oculta” que existe dentro de nós.

Esse propósito é a mistura da missão que Deus propõe às nossas mágoas e ego. Este é o caminho que trilharemos sem o auxílio de Deus.
Esta missão oculta não é nada digna, na verdade, é obscura, egoísta e indigna.

A princípio, parece não afetar o cumprimento do nosso chamado mas, à medida que damos vazão a esta missão, saímos do propósito de Deus e nos aproximamos do caminho dos fariseus.

O apóstolo Paulo em Filipenses 3.14 indica com seu próprio exemplo o que devemos fazer:  “Prosseguir para o alvo”.

Não qualquer alvo, mas aquele proposto por Cristo a nós!

Para não perder o foco do nosso alvo, precisamos identificar qual é a missão oculta em nossos corações a fim de não dar vazão a ela sem perceber.

A Bíblia demonstra claramente a história de pessoas que viveram o confronto com a sua missão oculta e venceram:

Ester tinha uma missão clara: salvar o povo de Israel do extermínio.
E havia também uma missão oculta em seu coração: acostumar-se com toda a riqueza do reino persa e se acomodar em sua posição confortável.
Ela fez a escolha pela missão que agradava a Deus!

Jesus  poderia ter dado vazão a uma missão oculta durante a sua vida: ser um rei terreno, chefe de um vasto império. Ele teve oportunidades para isso (Mateus 4.8-10; João 6.14-15), porém decidiu seguir o chamado de Deus para que tivéssemos uma nova vida.

Talvez a sua missão oculta seja uma busca por reconhecimento humano, ou obter algum tipo de favorecimento e poder para utilizar a fim de satisfazer seus próprios desejos.
Não importa qual seja a sua missão oculta, o importante é que você a identifique e a coloque diante de Deus. Não dê vazão a ela!
Decida-se por cumprir todo o chamado de Deus para a sua vida, da maneira como Ele sonhou.

Deus não te chamou para errar o alvo!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...