sábado, 24 de julho de 2010

Um Minuto de Silêncio!

0 comentários
A época em que vivemos nos leva a sempre estar “conectados” em algo. Saímos da frente do computador e sentamos diante da TV. Ao sair de casa, o celular vem junto, nos mantendo ligados na rádio preferida e, no caso dos mais modernos, na caixa de entrada do e-mail. E esse ciclo se repete incessantemente...Isso quando não estamos sintonizados em mais de uma dessas coisas ao mesmo tempo!

Na atual sociedade, parece ser indispensável estar ligado a alguma coisa: ouvindo, assistindo, participando de algo...Em todo tempo. Dá a sensação de que somos produtivos, porém ao final do dia, ao refletir (algo que dificilmente fazemos), notamos que não realizamos tudo o que pretendíamos.

Isso acontece porque não seguimos o exemplo de Jesus.

Constantemente na Bíblia, Jesus Cristo sai do meio da agitação dos discípulos e da multidão para estar a sós com o Senhor, para orar. Ele passava um tempo sozinho diante de Deus, desligado de tudo que O rodeava, a fim de se preocupar apenas com Deus, em falar e ouvi-Lo, ou talvez, simplesmente estar em silêncio.

Ele fazia isso antes de decisões importantes:

“E aconteceu que naqueles dias subiu ao monte a orar, e passou a noite em oração a Deus. E, quando já era dia, chamou a si os seus discípulos, e escolheu doze deles, a quem também deu o nome de apóstolos”
(Lucas 6.12-13)

Ele fazia isso após dias de muito trabalho:

E comeram todos, e saciaram-se; e levantaram dos pedaços, que sobejaram, doze alcofas cheias.E os que comeram foram quase cinco mil homens, além das mulheres e crianças.E logo ordenou Jesus que os seus discípulos entrassem no barco, e fossem adiante para o outro lado, enquanto despedia a multidão.E, despedida a multidão, subiu ao monte para orar, à parte. E, chegada já a tarde, estava ali só.” (Mateus 14.20-23)

Passou muitos dias sozinho para se fortalecer em Deus:

“Então foi conduzido Jesus pelo Espírito ao deserto...E, tendo jejuado quarenta dias e quarenta noites” (Mateus 4.1-2)

Jesus ensina através de suas próprias ações uma lição poderosa: precisamos de tempos de silêncio!

Momentos onde nos desligamos de tudo e todos à nossa volta e nos colocamos apenas diante dEle, talvez em algum lugar secreto, viajando ou em um parque.

Nesses momentos, às vezes, nem oraremos, mas apenas contemplaremos Sua grandeza e majestade, para compreender que apesar de estarmos sós fisicamente e em silêncio, temos um Deus que sempre está conosco e diariamente quer nos orientar, se desligarmos as vozes que o mundo procura colocar em nossas cabeças a fim de abafar a voz dEle.

Nesses momentos de solidão e silêncio, é possível perceber que a força dEle está conosco e que nem é necessário falar, pois Ele sonda e conhece o que iríamos dizer antes mesmo que palavra alguma chegue à nossa boca (Salmo 139.4).

Em silêncio, notamos a grandeza de Deus nos mínimos detalhes e nos Seus inúmeros cuidados para conosco.

Portanto, em meio a uma sociedade agitada e cada vez mais perdida, busque o silêncio fortalecedor e orientador na companhia de Jesus!

Dê-se um...ou melhor, bons minutos (e para os mais ousados, dias) de silêncio!

sábado, 10 de julho de 2010

Oração de um Aprendiz do Mestre

0 comentários
Rascunhos


Intimidade
Contigo quero ter
Ir mais além,
Muito mais fundo conhecer

Sonhar Teus sonhos
Cumprir o Teu querer
Ensina-me, Senhor
Ensina-me

Ensina-me
A entender o Teu amor
A refletir a Tua imagem,
Meu Senhor

Ensina-me a Tua Palavra
Teus caminhos compreender
Ensina-me, Senhor
Ensina-me

Ensina-me
A enxergar como Tu vês
Que a Tua vontade
Também seja o meu querer

Ensina-me a te Amar
Mais que a todos, te honrar
Ensina-me,Senhor
Ensina-me

Ensina-me,Senhor
A viver em Ti
Ensina-me Senhor
Em ti, me deleitar

Dá-me um coração segundo o Teu
Mais profundo quero te buscar
Eis-me aqui,
Ensina-me
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...