segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

Foque os sonhos de Deus!

3 comentários
Para aqueles que conhecem a Deus, é até óbvio dizer que Ele tem muitos sonhos a nosso respeito.
Esses sonhos de Deus não estão apenas restritos às áreas espiritual ou ministerial das nossas vidas, o Senhor tem objetivos para nós em todas as situações que a envolvem.

O maior problema que enfrentamos com relação aos sonhos de Deus está no fato de dificilmente conseguirmos focar e entender aquilo que Ele tem preparado a nosso respeito.Por mais que saibamos das verdades descritas na Palavra a respeito da “vontade boa,perfeita e agradável a Deus” (Rm.12.2) e que Ele tem “pensamentos de paz e não de mal,para vos dar o fim que desejais”(Jr.29.11), não sabemos identificar claramente quais são os propósitos de Deus para nós e nem sabemos confiar na suprema sabedoria de Deus em nos guiar pelos melhores caminhos.

O desejo de Deus é que tenhamos nossos olhos voltados diretamente à Ele, aos sonhos dEle a nosso respeito e que colaboremos com Ele para que as promessas se cumpram em nós.

Mas,a nossa insegurança acaba colaborando para a realização do objetivo do nosso inimigo.
Um dos grandes objetivos do diabo é impedir que tenhamos conhecimento e vivamos tudo aquilo que Deus reserva a nós.
E ele usa de todas as suas armadilhas para desviar o nosso foco dos sonhos e vontade de Deus para que não alcancemos o pleno cumprimento do projeto divino na nossa vida.

Na Bíblia, identificamos diversas pessoas que amavam a Deus e passaram por isso.

Vamos perceber, na Bíblia, algumas táticas usadas pelo diabo para desviar o nosso foco e roubar os sonhos de Deus das nossas vidas.

- Mostrar o “mundo” (Mt.4.8-9): Essa foi uma tática que o diabo tentou usar até mesmo com Jesus, que venceu essa tentação, mas que foi uma armadilha para Sansão, um dos juízes de Israel.
O diabo tenta desviar o foco daqueles que amam a Deus atraindo os seus olhares para aquilo que há disponível no sistema mundano e que, por vezes, é apresentado em um caminho mais “fácil” de ser conquistado do que o proposto pelos sonhos de Deus.

Sansão foi um homem constantemente atraído por mulheres que não pertenciam ao povo de Israel. Ele viu aquilo que havia no “mundo” e permitiu ser conquistado por esses caminhos, o que o levou à sua destruição: Dalila, uma mulher que nasceu no povo inimigo, acabou por descobrir o motivo da sua força e o entregou aos líderes do seu povo(Jz.16.1-21).

Não permita que o diabo conquiste seu coração apresentando o “mundo” e os caminhos mais fáceis existentes nele. Foque os sonhos de Deus e descanse na confiança de que Ele te capacitará a vencer quaisquer desafios para a realização daquilo que foi prometido a você!

- Desânimo : Outra grande armadilha que o diabo prende muitos e usa para destruir os sonhos de Deus é o desânimo.
O desânimo é semeado nas nossas vidas através de vários meios: a demora em ver realizado os sonhos de Deus, as perseguições, o cansaço que a corrida da vida traz...
Esse desânimo acaba por levar pessoas que amam a Deus a desistirem dos propósitos que Ele tem para as suas vidas e tomar iniciativas de realização pela sua própria força e pensamento.
I Rs.19.4

O profeta Elias, em razão da perseguição que Jezabel, mulher do rei de Israel, iniciou contra ele, fugiu, e no meio do deserto, desanimado com aquilo que estava acontecendo na sua vida, pediu a morte.
A partir daí, Deus inicia o processo de sucessão do profeta Elias e levanta Eliseu para acompanhá-lo. De certo modo, Elias, desanimado, abdicou dos sonhos que Deus ainda tinha para serem cumpridos na vida dele.

E, muitos de nós, abdicamos do que Deus tem para nós, pois permitimos que a semente do desânimo nasça e produza fruto nas nossas vidas.

Afaste o desânimo do seu coração e foque naquilo que Deus disse que irá fazer por você. Ele é poderoso para,acima das dificuldades,trazer à existência os sonhos dEle na sua vida!

- Murmuração :Murmuração é a atitude de se lastimar, resmungar.
Em geral, o sentimento de desânimo é seguido pela ação da murmuração. Isso é exemplificado no texto de Nm.13 e 14.1-24: o povo de Israel recebeu uma má avaliação a respeito das dificuldades para conquistar a Terra Prometida. Segundo dez dos doze espias, o povo que vivia na terra era formado por gigantes e muito mais fortes do que o exército de Israel poderia vencer.

Esse relatório gerou desânimo e, em seguida, murmuração no meio do povo de Israel (Nm.14.2).
A murmuração é a atitude que o diabo quer que tenhamos a respeito dos sonhos de Deus, pois ela destroi o nosso relacionamento com o Senhor e mata todos os projetos de Deus para a nossa vida.
Quando reclamamos da demora na realização dos projetos de Deus na nossa vida, da dificuldade do caminho, dos problemas enfrentados, perdemos a reverência ao Senhor e permitimos que o diabo aja através de nós mesmos para destruir os sonhos que Deus tem a nosso respeito.

Foi o que aconteceu com o povo de Israel: a murmuração impediu que toda aquela geração entrasse na Terra Prometida (Nm.14.21-23), apenas Calebe e Josué que tiveram uma postura diferente puderam desfrutar do cumprimento dos sonhos de Deus.

Portanto, não seja um murmurador. Coloque as dificuldades que você tem enfrentado no caminho até a realização dos sonhos de Deus diante dEle e foque a sua visão nas promessas que Ele tem colocado em seu coração.

O diabo se utiliza de muitas outras armadilhas para tentar roubar a visão do que Deus quer para nós.

Precisamos resistir ao diabo (Tg.4.7),mantermos o foco nos planos de Deus e confiarmos que Ele é fiel para cumprir tudo o que prometeu!

Foque nos sonhos de Deus e vença as astúcias do diabo.A Terra Prometida vai chegar,muito em breve!

domingo, 17 de janeiro de 2010

Amplie os limites!

0 comentários
Lucas 9.1-17

Jesus enviou os seus apóstolos para pregarem o Reino de Deus em diversas aldeias e deu a eles “virtude e poder sobre todos os demônios, para curarem enfermidades”(Lucas 9.1)

Ao retornarem das missões, os apóstolos regressaram animados, pois Deus havia movido milagres através da vida deles e contaram tudo a Jesus(Lucas 9.6,10).

Então, Jesus se retirou com eles para um deserto, porém as multidões O seguiram para ouvi-Lo e serem curados.

Havia muita gente naquele lugar e os apóstolos, preocupados com o anoitecer, pediram que Jesus despedisse as pessoas para que elas procurassem alimentos e lugar para passar a noite.

Mas, Jesus deu a eles uma ordem diferente: ”Daí-lhes vós de comer!” (Lc.9.13)

Quantas vezes já fomos surpreendidos com o Senhor falando conosco dessa mesma forma?

Ao olharmos certas áreas da nossa vida e analisarmos nossa capacidade, os recursos que temos, concluímos racionalmente que a melhor solução é agir de determinada maneira.

Só que, por vezes, quando submetemos as nossas conclusões a Deus, o pensamento dEle a respeito da nossa decisão é diferente.

Foi isso que aconteceu com os apóstolos: eles analisaram as circunstâncias do momento e concluíram que o melhor a fazer seria despedir o povo, porém Jesus os desafiou a pensar mais alto: Daí-lhes vós de comer!

E este é o tipo de apelo que Deus faz a nós também. Ele nos desafia a ampliar os limites do nosso olhar e perceber os caminhos sobrenaturais que podem se abrir à nossa frente.

Acima das nossas limitações, temos um Deus que sonha conosco e quer nos conduzir e capacitar para realizar estes sonhos!

Contudo, em diversos momentos, limitamos a ação de Deus por não entender quem está ao nosso lado e a dimensão daquilo que Ele pensa a nosso respeito.

Ele tem sobre nós pensamentos de paz...

“Porque eu bem sei os pensamentos que tenho a vosso respeito, diz o SENHOR; pensamentos de paz, e não de mal, para vos dar o fim que esperais.”(Jeremias 29.11)

Ele tem pensamentos mais altos do que os nossos...

“Porque assim como os céus são mais altos do que a terra, assim são os meus caminhos mais altos do que os vossos caminhos, e os meus pensamentos mais altos do que os vossos pensamentos.”(Isaías 55.9)

Somos desafiados pelo Senhor a levantar nossa cabeça, olhar além e ver que os limites de Deus para nós são extraordinariamente maiores do que imaginamos.

Amplie os limites do seu olhar, veja a perspectiva de Deus e decida viver uma nova realidade de Deus para sua vida!

terça-feira, 5 de janeiro de 2010

Sê Tu uma Bênção!

0 comentários
Gn.12.2

”...E tu serás uma bênção”.

Nós vivemos em uma época em que por onde andarmos,ouviremos falar sobre bênção.Ser abençoados por Deus, receber as Suas promessas, conquistar os nossos desejos materiais.
Com certeza, Deus quer nos abençoar com toda sorte de bênçãos existentes nessa terra, quer nos colocar como cabeça não por cauda, mas Ele tem para nós um caminho ainda mais excelente: ao invés de apenas pedirmos bênçãos, o Senhor nos chama para SERMOS BÊNÇÃOS por onde andarmos.

Na Bíblia, nós temos um exemplo bastante especial: o de José.(Leia Gênesis 39).

Ele foi vendido como escravo pelos seus irmãos e acabou caindo na casa de Potifar, um oficial do Egito.E lá, foi usado por Deus para abençoar aquela casa.Mas, mesmo assim a mulher de Potifar conspirou contra ele e José foi levado preso.
Porém, também na prisão ele foi canal de bênção do Senhor.

Se nós percebermos bem, em nenhum desses momentos fala-se que José foi abençoado.Na verdade, nós vemos algumas situações se desenrolando até contra ele.Mas ele continuou sendo um canal de bênção do Senhor onde esteve.

Por que será?

Porque ele entendeu que “melhor do que receber é dar”:

“... Mais bem-aventurada coisa é dar do que receber”.(At.20.35).

Ele entendeu que a maior riqueza que ele poderia ajuntar não se baseava nos objetos dessa terra, mas sim no galardão eterno para com Deus.

Deus quer que nós entendamos isso.Melhor do que sermos abençoados é sermos abençoadores.Deus quer levantar uma geração de pessoas mais preocupada em ajuntar riquezas no céu do que nessa terra.

“Não ajunteis tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem tudo consomem, e onde os ladrões minam e roubam; mas ajuntai tesouros no céu, onde nem a traça nem a ferrugem consomem, e onde os ladrões não minam nem roubam.” Mateus 6.19-20

Como você pode ser um abençoador?

Servindo!

Ao invés de se preocupar em ser servido, em ser ajudado se preocupe em servir.
Ao invés de gastar tempo imaginando como as pessoas, os lugares não têm sido abençoadores para você, se preocupe em descobrir como ser uma bênção para eles.

Foi assim que José fez: ao contrário de pensar em quantas tragédias assolavam sua vida ou quantos problemas enfrentou, ele se preocupou em ser bênção nos lugares onde estava.
Sirva no lugar onde você está!
Que ao chegar nos lugares,sua presença transmita às pessoas paz,e que o Espírito Santo em sua vida faça com que elas percebam que você é canal de bênção para elas.
Enquanto os discípulos discutiam quem teria o melhor lugar no Reino, Jesus revela:

“Mas entre vós não será assim; antes, qualquer que entre vós quiser ser grande, será vosso serviçal; E qualquer que dentre vós quiser ser o primeiro, será servo de todos. Porque o Filho do homem também não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em resgate de muitos”.Marcos 10.43-45

Se quisermos ser abençoadores, precisamos aprender a servir.

Para servir, utilize aquilo que você tem.

Todos nós temos algo com que podemos abençoar o próximo.

Podemos abençoar:

-Com Recursos financeiros: Use parte do seu dinheiro para abençoar aqueles que estão passando necessidade material ou invista em algum trabalho social, evangelístico entre outros.

-Dividindo Conhecimentos: Podemos abençoar as pessoas com conhecimentos que elas não têm.Por exemplo, você pode ajudar o seu colega de escola ou faculdade a estudar aquela matéria que ele não sabe nada, mas você domina.Ou no trabalho, apoiar os que estão ao seu redor transmitindo o conhecimento e experiência que você tem.

-Com Tempo e Força: Dispondo do seu tempo para investir na vida de um necessitado, de uma pessoa carente de atenção.Usando a sua força para ajudar aqueles que não tem força para fazer as coisas.

E acima de tudo isso, você pode abençoar o seu próximo com as:

-Boas novas sobre Jesus: A maior bênção que pode existir.Deus tomou a iniciativa de ligar o abismo que nos separava dEle,enviou Seu filho Jesus para morrer na cruz em nosso lugar,pagando o preço de nossos pecados.

O mundo em que vivemos nos pressiona pelos valores do “ter”.Para o mundo, você é definido pelo que você tem.Se você tem um carro,uma casa luxuosa, a roupa de marca, o tênis do momento, o celular de última geração, você é definido como uma pessoa de sucesso.

Mas saiba que Deus não irá te recompensar pelo que você conquistou nesse mundo.Você pode ter ajuntado grandes riquezas materiais aqui, mas Deus vai te recompensar pelo tipo de riqueza que você ajuntou junto a Ele.

Ele irá perguntar o que você fez com tudo o que Ele te deu: com o dinheiro, com os talentos, os conhecimentos, com seu tempo, com sua força, com o conhecimento das boas novas a respeito de Jesus.

Que você possa responder e os frutos possam comprovar: Eu fui uma bênção!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...