domingo, 13 de dezembro de 2009

O Princípio de Gideão

É usual para muitas pessoas passarem por irritações, angústias e descontentamentos motivados por diversas razões.
São os problemas no trabalho que causam estresse, as discussões dentro da família, o caos do dia-dia na sociedade.
Pressionados por diversas partes, chegamos a um ponto em que estamos prestes a explodir, em um ataque de ira.
É nesse momento que um pouco da sabedoria encontrada na Palavra de Deus pode fazer muita diferença.
Existe um princípio que podemos aprender na história de Gideão.
Gideão era um homem descontente e irado, que estava prestes a explodir.
Seu povo vivia há alguns anos sob o domínio dos midianitas e esse controle empobrecia, dia após dia, a nação de Israel.(Juízes 6.6)
A situação se mostrava tão crítica que, por medo de perder o que tinha, Gideão malhava trigo no lagar, local destinado às uvas. (Juízes 6.11)
E em meio a essa situação humilhante, aparece o Anjo do Senhor para falar com Gideão.
O Anjo traz uma palavra de incentivo: “O SENHOR é contigo, homem valoroso.” (Juízes 6.12), mas o momento da vida de Gideão era tão cheio de tensão que ele explode em todo seu descontentamento, questionando sobre onde estaria Deus no meio da realidade que vivia seu povo. (Juízes 6.13)
Nas nossas vidas, costumamos agir do mesmo modo: nos enchemos de tensões,descontentamentos ,ansiedades e quando explodimos, questionamos tudo ao nosso redor e destruímos o nosso lar,deixando corações ressentidos.
Só então percebemos que mesmo após darmos vazão à nossa ira, não ficamos aliviados e tampouco o problema foi corrigido. Na realidade, por vezes, pioramos a situação que vivemos.
Na história de Gideão,podemos detectar um importante princípio ensinado pelo Anjo do Senhor (que é considerado por muitos estudiosos como uma aparição de Jesus no Antigo Testamento),princípio esse que alterou o curso da vida de Gideão.
Após o desabafo inconformado de Gideão,o Anjo do Senhor orienta-o:’ ...Vai nesta tua força, e livrarás a Israel das mãos dos midianitas..;” (Juízes 6.14)
Gideão é orientado por Deus a tomar uma posição construtiva a partir daquele sentimento que havia em seu coração, a realizar uma ação que, de fato, mudaria a história daquela nação e resolveria o problema.
Deus pode permitir que sentimentos de indignação ou descontentamento nasçam em seu coração com relação a algumas situações da sua vida ou da nossa sociedade para que Ele use você e te envie “nessa força” para produzir, debaixo da Sua orientação e controle, solução para os problemas que estão ao seu redor.
Deus quer usar você como um “construtor de soluções”, não como alguém que deixa um rastro de destruição, por meio de atos impensados, acessos de ira e palavras erradas.
Mas, sabemos que construir é mais difícil que destruir.
E, assim que Gideão recebeu a proposta de construir um futuro diferente a partir daquele sentimento que pulsava em seu coração,recuou,ressaltando suas impossibilidades. (Juízes 6.15)
Não recue diante das propostas de Deus, mas aprenda a redirecionar todo sentimento de descontentamento, ira,opressão e medo para construir algo que traga uma nova realidade à frente.Ele irá te capacitar para obter vitória (Juízes 6.16)
Ao final, Gideão aceitou a proposta de Deus e foi milagrosamente usado para liderar um exército de trezentos homens contra milhares de midianitas e vencê-los, trazendo liberdade ao povo de Israel.
Da mesma maneira, Deus quer trazer solução aos seus problemas e te usar para criar uma nova realidade no meio de onde você vive.
Apenas “vá na tua força” e entregue todo o combustível dos seus sentimentos nas mãos de Deus para que Ele transforme tudo isso em potencial instrumento para trazer soluções aos problemas.
Invés de trazer destruição com ações impensadas, seja um canal das bênçãos e da graça do Senhor para todos que estiverem ao seu redor.

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe sua opinião, crítica ou sugestão! Ela é valiosa demais para ficar restrita somente a você!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...