domingo, 13 de dezembro de 2009

Deixe o Passado no Passado!

A nossa vida é construída com base em diversas experiências que temos no nosso dia-dia. E sabemos que nem todas essas situações que envolvem os nossos dias são boas.
Por vezes, somos machucados; feridos por alguma palavra ou atitude de outra pessoa.
Porém, a vida continua e a nossa atitude perante estes problemas do dia-dia influi diretamente naquilo que alcançaremos no nosso presente e futuro.
A Bíblia relata a história de um homem chamado José que exemplifica especialmente este tema.
José foi vendido pelos seus irmãos aos midianitas, em razão do ciúme e inveja que estes nutriam contra ele (Gn.37.4,11,28).
Os midianitas repassaram José a Potifar, eunuco de Faraó. Lá, mesmo servindo de maneira correta, foi preso por uma acusação injusta.(Gn.39.12-20)
Na prisão, também se comportou de modo exemplar e revelou os sonhos de dois servos de Faraó. Ao copeiro, que seria reintegrado ao posto, pediu que fizesse menção dele na presença de Faraó.(Gn.40.14).Contudo, o copeiro demorou dois anos para lembrar-se do que José havia feito por ele.(Gn.40.23,41.1).
Porém, apesar destas inúmeras experiências dolorosas que enfrentou, vemos um homem perseverante, de comportamento exemplar e que foi capaz de cumprir o propósito que Deus tinha para a sua vida, a despeito das dificuldades.
José nos ensina como devemos lidar com as situações dolorosas que enfrentamos.
Apesar de todas as adversidades que ele havia enfrentado, José não se tornou um homem rancoroso, ressentido ou magoado.
Nós, quando somos machucados, temos a tendência natural de fechar o nosso coração e remoermos àquilo que aconteceu, ao mal que nos foi feito.
Sentimos dó de nós mesmos, lamentamos pelos obstáculos que se levantaram no caminho e impediram que alcançássemos os sonhos gerados por Deus em nós.
Mas, José agiu de maneira contrária ao natural.Ele foi um homem que continuou a ser doador, persistiu em abençoar outras vidas e estar aberto para a vida independentemente do que poderia receber das pessoas que o rodeavam
José foi capacitado por Deus para perdoar e deixar para trás toda a sua antiga trajetória, as dores, as vergonhas, as desilusões e olhar para o alvo, a fim de alcançar o propósito de Deus.
O apóstolo Paulo nos fala a respeito disso em Filipenses 3.13-14:
“...esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estão diante de mim, Prossigo para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus.”
Nós precisamos buscar de Deus esta capacidade. Não podemos viver atados às circunstâncias que já foram.
Você, preso ao passado, esquece de construir o presente e para de sonhar com o futuro.
Deus quer que alcancemos os propósitos que Ele têm para nós, assim como José os alcançou. Para isso, necessitamos nos desvencilhar das cadeias do passado.
Só conseguimos isso através do ato sobrenatural do perdão.
Ao tomarmos a decisão de que as atitudes do passado não mais influirão no comportamento do presente e perdoarmos àqueles que nos fizeram mal, nos livramos dos pesos e podemos prosseguir para o alvo de Deus para as nossas vidas.
Deixe o passado para trás e prossiga para viver os grandes sonhos de Deus!
Para perdoarmos, precisamos primeiramente recebeu o perdão de Cristo em nossas vidas.Se você quiser receber a Cristo e o Seu perdão,clique aqui.

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe sua opinião, crítica ou sugestão! Ela é valiosa demais para ficar restrita somente a você!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...