domingo, 13 de dezembro de 2009

Creia em um Deus de Milagres!

O mundo em que vivemos nos pressiona a pensar de modo sempre muito racional.
Para encontrar as soluções dos nossos problemas, para planejar o nosso futuro, para agir em todas as circunstâncias, somos orientados a imaginar dentro das possibilidades, a traçar os caminhos viáveis e descartar aquilo que parece ser inviável.
Não que isso seja de todo ruim, você deve usar a sua racionalidade para propor soluções e planejar (afinal, ela foi dada por Deus para isso!), mas apequenamos o nosso campo de visão quando olhamos apenas para nós e aquilo que podemos fazer.
Uma situação desse tipo é relatada na Bíblia e aconteceu com o povo de Israel.
Em Números 13,Deus orienta Moisés a enviar espias para Canaã,a terra que Deus havia prometido,para analisarem o fruto da terra e conhecerem o seu povo.
São enviados doze espias e estes passam quarenta dias conhecendo aquela terra,percorrendo todo o seu território,a fim de preparar o relatório que deveria ser repassado a Moisés.
Ao final destes dias, os espias voltam e todo o povo de Israel se reúne para ouvir as impressões que aqueles homens tiveram a respeito da Terra Prometida.
Vamos ver qual foi o relatório de dez dos doze espias:
“E contaram-lhe, e disseram: Fomos à terra a que nos enviaste; e verdadeiramente mana leite e mel, e este é o seu fruto.
O povo, porém, que habita nessa terra é poderoso, e as cidades fortificadas e mui grandes; e também ali vimos os filhos de Anaque.
Os amalequitas habitam na terra do sul; e os heteus, e os jebuseus, e os amorreus habitam na montanha; e os cananeus habitam junto do mar, e pela margem do Jordão.
... Não poderemos subir contra aquele povo, porque é mais forte do que nós.
E infamaram a terra que tinham espiado, dizendo aos filhos de Israel: A terra, pela qual passamos a espiá-la, é terra que consome os seus moradores; e todo o povo que vimos nela são homens de grande estatura.
Também vimos ali gigantes, filhos de Anaque, descendentes dos gigantes; e éramos aos nossos olhos como gafanhotos, e assim também éramos aos seus olhos.”
Números 13.27-29,31-33
O relatório passado por esses dez espias é preciso a respeito da situação daquela terra,porém a conclusão, “Não poderemos subir contra aquele povo, porque é mais forte do que nós”,foi originada de mentes apequenadas pela racionalidade e de um raciocínio que leva em conta apenas aquilo que os olhos conseguem enxergar e as mãos,apalpar.
Costumamos agir assim em nossa vida.Na maioria das vezes,as nossas deduções seguem a mesma linha dos dez espias.Enumeramos razões que nos impedem e a solução mais obvia é desistir dos sonhos,ou então,ser engolido pelos problemas.
Deus quer despertar o nosso coração e mente para uma outra realidade,que dizemos conhecer e crer,mas que as nossas atitudes acabam revelando o contrário.
A verdade de que nós cremos em um Deus de milagres!
Um Deus que não tem em seu vocabulário as expressões;”Não posso”,”Não tenho” e “Não consigo”.
Um Deus para quem “...Nada é impossível(Lucas 1.37).
E era nesse Deus que acreditavam os outros dois espias de Números 13: Calebe e Josué.
Em meio à conclusão racional que os outros dez espias repassaram, Calebe toma a palavra e diz:
“Então Calebe fez calar o povo perante Moisés, e disse: Certamente subiremos e a possuiremos em herança; porque seguramente prevaleceremos contra ela.”(Números 13.30)
E em Números 14.8:
Se o SENHOR se agradar de nós, então nos porá nesta terra, e no-la dará; terra que mana leite e mel.
Calebe e Josué em nenhum momento discordaram do relatório passado pelos dez espias a respeito da Terra Prometida e nem das dificuldades que enfrentariam, porém eles abriram suas mentes para algo além do racional:a fé no Deus que havia os livrado do Egito,abrindo o Mar Vermelho para que eles passassem,a fé no Deus que supria as suas necessidades no meio do deserto,a confiança em um Deus que havia prometido uma terra a eles,a fé em um Deus de milagres.
Precisamos disso em nossa vida também!
Não podemos viver a nossa vida dentro do nosso raciocínio limitado.Precisamos abrir a nossa mente para ver além do que os nossos olhos enxergam e encontrar um Deus que está disposto a mover milagres na nossa história.
Um Deus que nos leva sempre além daquilo que imaginamos,um Deus que tem pensamentos mais altos que os nossos pensamentos (Isaías 59.5)
Permita-se conhecer e crer VERDADEIRAMENTE nesse Deus de milagres.Não apenas de boca e raciocínio,mas com todo o coração e em fé. Você verá coisas que nunca imaginou.

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe sua opinião, crítica ou sugestão! Ela é valiosa demais para ficar restrita somente a você!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...